Conselho Tutelar de Camaçari abrirá processo seletivo

O CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) de Camaçari abre no dia 7 de julho as inscrições para o processo de escolha unificado dos membros do Conselho Tutelar que vão atuar no quadriênio 2016/2020. No total são disponibilizadas 10 vagas para conselheiros, cinco titulares e cinco suplentes.

Os interessados em se candidatar ao cargo de conselheiro tutelar podem realizar o cadastro até o dia 22 de julho, na sede do CMDCA. A relação dos candidatos habilitados será divulgada no dia 15 de setembro.
Os inscritos habilitados serão submetidos a uma prova escrita para testar os conhecimentos referentes ao ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente). A avaliação será aplicada no dia 31 de agosto e a posse dos titulares e suplentes está marcada para o dia 10 de janeiro de 2016.
O Conselho Tutelar é um órgão permanente e autônomo, não jurisdicional, encarregado pela sociedade de zelar pelo cumprimento dos direitos da criança e do adolescente.
O CMDCA fica localizado na rua Goiás, nº 79, edifício Abrantes, próximo a Coelba, Centro. O atendimento é das 9h às 16h. Mais informações no edital nº 001/2015, disponível no site da Prefeitura, na aba editais, ou por meio do telefone (71) 3644-5720/ 3644-5726.
Documentação
Para realizar o cadastro é necessário apresentar originais e cópias da ficha de inscrição individual disponível no edital, da cédula de identidade, CPF, comprovante de residência (luz, água ou telefone), título de eleitor acompanhado do comprovante de quitação com as obrigações eleitorais, certidão de antecedentes criminais, declaração de idoneidade moral (Anexo II do edital) e atestado de escolaridade.
Para concluir a inscrição o candidato tem que apresentar ainda uma declaração de aceitação e disponibilidade (Anexo III), declaração negativa de impedimento (Anexo IV), cópia da certidão de reservista ou certidão de dispensa de incorporação ou declaração da junta de serviço militar, quando do sexo masculino, currículo atualizado e a declaração de uma instituição da área da infância e juventude do município de Camaçari, devidamente registrada no CMDCA, que comprove a atuação do candidato na promoção, proteção, controle social e gestão política dos direitos da criança e do adolescente por, no mínimo, 02 (dois) anos, nos últimos cinco anos.
Fonte: Camaçari em Foco

*Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.