Prefeitura de Camaçari lança edital para contratação de profissionais de Educação

Prefeitura de Camaçari lança edital para contratação de profissionais de Educação 1

A administração municipal de Camaçari está dedicando uma atenção especial para oferecer ao munícipe uma educação inclusiva de qualidade e para garantir os direitos aos servidores da Educação. Para isso, foi lançado nesta terça-feira (12/3) o edital(link no final da matéria) do processo seletivo simplificado pelo Regime Especial de Direito Administrativo (REDA) para seleção de profissionais com 121 vagas.

O destaque é que o edital contemplará a Educação Especial com cargos para transcritores do Sistema Braile (com 6 vagas na sede, 2 em Vila de Abrantes e 2 em Monte Gordo), cuidadora educacional (40 para sede, 5 em Vila de Abrantes e 5 em Monte Gordo) e intérprete de línguas de sinais (10 para sede, 3 em Vila de Abrantes e 3 em Monte Gordo).

As vagas ainda serão para coordenadores pedagógicos e professores de língua portuguesa, língua inglesa, ciências, geografia, educação artística, educação física, história, matemática e professores do ensino infantil e anos iniciais do ensino fundamental, tanto da sede quanto para região da Costa. Para esses cargos, serão disponibilizadas três vagas para cada cargo, sendo que uma para sede, uma para Vila de Abrantes e outra para Monte Gordo, além de cadastro reserva.

Há ainda 15 vagas para monitores musicais, distribuídos igualmente, entre: de cordas – violino, violoncelo e contrabaixo; flauta transversal e clarinete; metais e percussão – trompete, trombone, trompa, tuba, eufônio e percussão.

A secretária de Educação, Neurilene Martins, enfatiza que “uma educação mais e melhor não se dá sem de fato da gente assumir a educação especial como prioridade, e isso o prefeito Elinaldo Araújo está fazendo”. Ela ainda destaca a ampliação das ações do governo, que são inéditas, porque não existem esses cargos na estrutura da prefeitura, voltados para educação especial, o que é fundamental para que se tenha um concurso e para que se constitua uma política pública que seja contínua.

A titular da pasta ainda pontua que o processo seletivo vai contemplar alguns direitos dos professores, no que se refere às licenças prêmio, que poderão ser liberadas, garantindo a organização pedagógica da escola. “Além de monitores de música, já que há o entendimento de que o projeto pedagógico de Camaçari deve se nutrir dessa vocação da nossa terra para área de artes”, finalizou.

O PROCESSO SELETIVO

O processo seletivo é válido por um ano, prorrogável por mais um ano, e as inscrições ocorrerão a partir das 10h desta quinta-feira (14/3) até as 23h59 do dia 25 de março. O procedimento deverá ser realizado via internet (link no final da matéria). O valor é de R$ 80,00 para professor e R$ 45,00 para os demais cargos.

A seleção será através de prova objetiva para todos os cargos, além de prova prática para os cargos de monitores musicais, intérprete de língua de sinais e transcritores do Sistema Braile.

Todos os cargos ainda receberão vale transporte e auxílio alimentação. Os salários variam entre R$ 1.220,97 e R$ 3.331,95, que para o cargo de professor ainda tem o acréscimo de 30% na regência de classe.

A prova objetiva está prevista para ocorrer no dia 14 de abril, as provas práticas no dia 27 do mesmo mês e o resultado deve sair no dia 3 de maio.

EDITAL | Inscrições