Seduc oferece 105 vagas para oficina gratuita de matemática

Interessados em relembrar ou reforçar os ensinamentos básicos sobre matemática, para uso no dia a dia, terá oportunidade de fazê-lo a partir da oficina gratuita de matemática oferecida pela Prefeitura de Camaçari, por intermédio da Secretaria da Educação (Seduc). Realizada através do Projeto Matematizando o Contexto ou Contextualizando a Matemática, a iniciativa, que é aberta à comunidade, disponibilizará 105 vagas, distribuídas em três turmas de 35 alunos cada.

Com carga horária de duas horas semanais para cada turma, a oficina terá duração de três meses. As aulas ocorrerão sempre às segundas-feiras, nos turnos matutino (das 9h às 11h), vespertino (das 14h às 16h) e noturno (das 18h às 20h). As inscrições devem ser feitas de 3 a

7 de junho, no Núcleo de Orientação Cultural, no prédio de Educação da Cidade do Saber, que funciona das 9h às 12h e das 14h às 17h.

Os interessados devem ter idade a partir dos 13 anos e no ato da inscrição precisam apresentar originais de RG, CPF e comprovante de residência. Os menores de idade devem estar acompanhados dos pais ou responsáveis legais, que também necessitam apresentar a documentação de identificação.

As aulas serão ministradas por um professor de matemática da rede pública municipal de ensino. O início da oficina está previsto para o dia 10 de junho e as aulas vão acontecer nas dependências do Teatro Alberto Martins, localizado à Rua Eixo Urbano Central, Centro. Outras informações podem ser obtidas através do telefone (71) 3644-9824 ou 3644-9818.

PROJETO

A iniciativa visa possibilitar a aquisição da linguagem matemática como forma de registrar, comunicar, expressar e estruturar o pensamento e desenvolver o raciocínio lógico, a partir de atividades diversificadas como jogos matemáticos, brincadeiras e dinâmicas, possibilitando uma atitude positiva em relação ao objeto de estudo, autoconfiança e poder de iniciativa pelo reconhecimento do erro como pré-requisito para o acerto.

A partir do planejamento e proposta de aulas dinâmicas e interativas com atividades que contemplem o cotidiano do educando, valorizando o seu conhecimento prévio e experiências vivenciadas pelo mesmo, possibilitando a (re)construção e (re)significação de conhecimentos e consolidando a aprendizagens para a vida prática, promovendo assim a formação para a cidadania.